Kids In The Hall

O grupo de humoristas Kids In The Hall, formado em 1984 no Canadá por Dave Foley, Kevin McDonald, Bruce McCullock, Mark McKinney e Scott Thompson, ganhou um programa no canal de tevê canadense CBC em 1988 e ficou no ar até 1994, sendo retransmitido nos EUA pelos canais CBS e HBO e no Brasil pelo Multishow.

A princípio, o estilo do KITH tinha uma leve semelhança com um famoso grupo de comediantes britânicos, o Monty Python’s Flying Circus, pelo uso nem um pouco homeopático do nonsense que também inspirou tantos outros humoristas pelo mundo, como a TV Pirata no Brasil. Mas os canadenses tinham vários diferenciais que os destacaram como um dos melhores programas de humor já produzidos para a tevê.

Em poucos minutos, os canadenses eram capazes de disparar várias piadas repletas de surrealismo e crítica social, destruindo preconceitos e rindo deles mesmo. Assim como no Monty Python, as personagens femininas de KITH eram interpretadas pelos próprios atores, anos antes de outro programa brasileiro ter essa característica como único diferencial para divulgação.

Steps

Steps

Os textos das sketchs do programa eram escritas pelos próprios atores e a presença de Scott Thompson no quinteto marcava também uma louvável visibilidade aos homossexuais, já que Thompson – assumidamente gay – sempre criava brilhantes sketchs sobre o tema como a Steps (Sobre casamento gay) ou os monólogos de Buddy Cole (Tirando famosos do armário).

Kathy e Cathy

Alguns personagens do grupo fizeram sucesso suficiente para aparecerem durante os 5 anos em que KITH ficou no ar como o garoto Gavin, as secretárias Kathy e Cathy (Será que ele é? e Café descafeinado), os Policiais (de fazerem inveja em Fucker and Sucker), as impacientes e hilárias Prostitutas e claro a Mulher Galinha (com suas explosões ao ter um orgasmo) e sua amiga Mulher Barbada (No clube de Strip e Trabalhando no Tele-sexo).

Kids In The Hall foi encerrado há mais de 14 anos, mas até hoje continua atual, com piadas inteligentes e abrindo espaço para várias discussões. Outros vídeos hilários podem sem encontrados pela web, mas até então todos sem legendas. Alguns dos meus preferidos:

Naturalmente sarcástico.

Cantando no carro.

Nunca desista de casar.

Festa surpresa no escritório.

E pra terminar, as medidas tomadas por Scott Thompson ao ser chamado de viado (fag):

Com o fim do programa na tevê, os atores continuaram reprisando alguns personagens de KITH em shows enquanto seguiam com outros trabalhos em filmes e séries. Dave Foley fez parte do elenco da premiada série NewsRadio entre 1995 e 1999, dando sequência a várias participações em outras séries com o Will and Grace e mais recentemente Stargate Atlantis. Bruce McCulloch recentemente trocou a atuação para dedicar-se na série Carpoolers, ao qual é criador e roteirista. Kevin McDonald fez algumas participações em That 70’s Show e outras aparições em filmes e séries, além de dublar um personagem do desenho animado Lilo & Stitch. Mark McKinney fez parte do elenco do Saturday Night Live entre 1995 e 1997 e depois concentrou sua carreira em filmes e algumas aparições em programas de tevê. Por fim, Scott Thompson continuou dedicando-se a filmes e programas com temática gay, participando do filme Another Gay Movie, uma excelente paródia gay de American Pie.

Recentemente o quinteto anunciou o lançamento para janeiro de 2010 do filme Death Comes to Town, mas sem nenhuma outra informação sobre o projeto. O jeito é esperar e enquanto isso, assistirei a mais um pouco de Kids In The Hall.

Anúncios

7 Respostas

  1. Opa,

    Muito bacana a matéria sobre Kids in the Hall, sou fãzão deles, recentemente baixei as 5 temporadas completas.

    Estou pensando em fazer as legendas da série, para ajudar a divulgar ao público brasileiro. Que que você acha?

    1. Que bom que gostou, Caio!
      Também sou muito fã da série e acho excelente seu interesse em fazer legendas para divulgar Kids In The Hall.
      Tenho as 5 temporadas, mas a falta de legenda é sempre um obstáculo para apresentar a um amigo. Caso leve em frente a iniciativa, me avise pois farei questão de divulgá-la!
      Abraços.

    2. Saudações! Pesquisando pela net, acabei chegando a esse seu post, dedicando ao Kids in the Hall. Pessoalmente, conheço pouco o trabalho do grupo, vendo apenas algumas (raras) reprises. Porém, minha esposa é fã ardorosa da série e não resisti a seu comentário “baixei as 5 temporadas completas”, algo q venho tentando há algum tempo, mas minha internet 3G(!) não ajuda muito… Por esse motivo é q escrevo. Terei como vc me enviar esses episódios, ainda q sem legendas??? Por favor, entre em contato comigo para q possamos combinar algo! Obrigado pela atenção!

      1. Nossa meu broder!

        Po algum motivo misterioso eu voltei finalmente a essa página!!!

        Eu ainda tenho as 5 temporadas completas, fiquei muito feliz em saber que brasileiros gostam! Po, tua esposa é fã ardorosa da série? Tu é um cara de sorte!!!

        Se você ainda quiser, eu tenho.

        Abraços amigo!

  2. Alberto Durante Junior | Responder

    Q sorte! Quero sim!!! Ela é superfã dos caras, vive contando e lembrando esquetes deles.
    As temporadas estão legendadas? Se não, tb nao tem problema…
    Como vc quer fazer?
    Valeu pelo contato e aguardo resposta.

    Beto.

    1. Alberto Durante Júnior | Responder

      Não encontreu seu e-mail. O meu é durante@hotmail.com. Por favor, entre em contato.
      Valeu.

    2. Alberto Durante Júnior | Responder

      Não encontrei seu e-mail. O meu é duranteb@hotmail.com. Por favor, entre em contato.
      Valeu.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: